• 20.03.2019

    • “Ficção e fabricação: fotografia de arquitectura após a revolução digital” no MAAT

      MAAT (Galeria principal)


      20 março – 19 agosto | 11h-19h (encerra às terças)


      “Ficção e Fabricação reúne quase 50 artistas que constroem e manipulam imagens feitas a partir de objectos e espaços arquitectónicos. Assinalando os 30 anos da invenção do Photoshop e da invasão das ferramentas digitais na produção fotográfica, esta mostra foca o imaginário da arquitectura como tema fulcral de uma prática expandida da fotografia na arte contemporânea. Desde as obras seminais de Andreas Gurski, Thomas Ruff, Jeff Wall ou Thomas Demand até às criações ficcionais de Beate Gütschow, Oliver Boberg ou Isabel Brison, delineia-se um panorama da fotografia de arquitectura que contorna abordagens objectivas e privilegia as efabulações sobre o real entre o olhar cinematográfico, a desconstrução da imagem ou as narrativas mais politizadas. Numa era em que os meios digitais dominam a fabricação de imagens arquitectónicas para consumo mediático, as ficções provenientes do campo artístico surgem aqui como uma alternativa crítica que interroga e amplia a concepção da arquitectura.”




  • 17.05.2019

    • ENCORE 2020

      ENCORE 2020 - Lisboa, LNEC, 12-15 de maio de 2020 - Submissão propostas até 30 setembro 2019


      O que se deve preservar? Como actualizar sem destruir? É viável conservar e reabilitar?

      Os temas propostos para o ENCORE 2020 pretendem colocar em discussão a multiplicidade de aspectos que se entrecruzam no âmbito da intervenção no património construído, procurando, de forma multidisciplinar, caminhos para melhor conservar e reabilitar.

      Convida-se à participação de todos os interessados, através da apresentação de comunicações e posteres, bem como através da discussão dos trabalhos expostos. Encontra-se aberta, até 30 de setembro de 2019, a chamada para submissão de resumos.


      Mais



  • 18.06.2019

    • ​Exposição “Os Ossos da Arquitectura”

      Garagem Sul, CCB, Lisboa

      18 de junho a 15 de setembro 2019

      Curadoria Mario Rinke/ Produzida pelo CCB/Garagem Sul


      Para além dos materiais que dão forma e aparência a um edifício, há pré-condições físicas que permanecem fundamentais – a sua sustentação como um todo e a capacidade de se manter em pé: tal como os animais têm ossos, cada edifício tem uma estrutura.

      Os edifícios têm lógicas internas que não são negligenciáveis, a interconexão dos seus materiais e componentes dá-lhes força e, como consequência, essas lógicas impõem formas, padrões, ordens e constrangimentos.

      Na arquitectura, há uma longa tradição de pensamento que toma a metáfora biomórfica para a estrutura portante, com a construção a tornar-se a anatomia da arquitectura. A ciência, novos materiais e tecnologias têm permitido uma liberdade extra no projecto de edifícios.

      Esta exposição examina a atenção dada à estrutura ao serviço da arquitectura, tal como tem vindo a ser desenvolvida por vários projectistas europeus. Serão apresentados trabalhos e métodos de sete arquitectos e engenheiros que permitem reflectir sobre princípios, regras, estratégias e métodos de concepção estrutural.

      Mais

      Imagem: Bruther. Centro Cultural e Desportivo, Paria, França, 2004


  • 19.06.2019

    • ​Colóquio “Os Ossos da Arquitectura”

      19 junho

      Garagem Sul, CCB

      Entrada livre

      Uma sessão de trabalho e debate em torno da relevância da concepção estrutural em arquitectura e do modo como novos materiais e tecnologias têm permitido uma liberdade extra no projecto de edifícios. Com a participação de Bruther, Atelier da Bouça, Joseph Schwarz, Rui Furtado, Søren Johansen, Sebastian Skovsted, Andrea Pedrazzini, Alejandro Bernabeu, Fala, André Tavares e Mario Rinke.

      Por ocasião da exposição “Os Ossos da Arquitectura” (The Bones of Architecture), patente na Garagem Sul do Centro Cultural de Belém de 18 de junho a 15 de setembro.


      Mais


    • ​Entre Realidade e Utopia: Leonardo da Vinci e a Cidade Ideal

      19 junho, 17h30 – 19h30

      Fundação Calouste Gulbenkian, Lisboa

      Auditório 3 - Edifício Sede

      Esta conferência, no âmbito das comemorações do 500.º aniversário da morte de Leonardo Da Vinci, aborda o conceito de cidade ideal estudado e desenvolvido por este artista. Conta com a participação de Claudio Giorgione como orador principal e comentário por Ana Tostões.

      Iniciativa organizada em parceria com a Embaixada de Itália. Entrada gratuita mediante inscrição prévia.

  • 22.06.2019

    • Visita guiada Museu do Aljube Resistência e Liberdade

      22 junho, 15h-18h


      Uma visita guiada à exposição permanente do Museu do Aljube, com paragem obrigatória na exposição temporária sobre as prisões dos dias de hoje, e uma mão-cheia de histórias para ouvir e partilhar.

      Museu do Aljube | Rua de Augusto Rosa, 42, Lisboa

      Inscrições para info@museudoaljube.pt

      Tel. 215 818 535



  • 21.07.2019

    • Coimbra Architecture Summer Atelier (CASA)

      21 a 31 julho, Darq, Coimbra

      CASA (Atelier de Verão de Arquitectura de Coimbra) é um workshop intensivo de onze dias, organizado pela Departamento de Arquitectura da Universidade de Coimbra.


      Combina módulos práticos e teóricos, concentra-se em vários problemas da cidade de Coimbra, com o objectivo de trabalhar o ambiente construído a partir de seu contexto social, arquitectónico e urbano.


      Consiste principalmente em oficinas de design onde participantes, orientados por tutores, podem desenvolver propostas que respondam aos temas apresentados; e em conferências e debates nos quais conceitos, ideias e projectos são avaliados para fortalecer estratégias.

      “Origem” é o tema principal desta edição inaugural, que inclui três desdobramentos: Vazio, Efémero e Limite.

      + info | aqui, aqui e aqui